Follow by Email

terça-feira, 10 de janeiro de 2012

Como é a caçada de perdiz no Uruguai


Navegando no Blog  http://awildbeastatheart.blogspot.com/  do meu amigo Rodrigo Meirelles que reside nos EUA , que além de ser amante da caça também é escritor, notamos em sua última postagem o comentário de sua caçada no Uruguai em 2011,que por coincidência estávamos lá também.
O Rodrigo mostra uma foto muito difícil de ser conseguida; uma porque com nossas câmeras digitais, que não são profissionais fica difícil captar instantaneamente a imagem, e outra porque, quem tira as fotos é sempre um pessoal inexperiente nessa arte. A foto mostra  Rodrigo  atirando em duas codornas que voaram simultâneamente e também a bucha plástica que abandonou o cano da arma.
                                   -------------------
Como o assunto é Uruguai, resolvemos embarcar junto, e falar um pouco dessas caçadas nos pampas uruguaios.
Quem pretende empreender uma caçada no país vizinho, deverá em primeira mão contratar um profissional da caça honesto. Há anos fazemos caçadas como JP ou João Paulo, e mail  jpdacosta@netgate.com.uy e sempre fomos bem atendidos e sempre ficamos satisfeitos.
Se você pretende ir de avião, será recebido no aeroporto, se for de automóvel, será recebido em Rivera. Se quiser levar sua arma, poderá fazer desde que possua  CR e guia de    tráfego . Cartuchos não há necessidade de levar. Se quiser levar seu cão, também poderá fazer, desde que leve a GTA. Agora, se você acha melhor não levar nada, o JP tem tudo, armas para aluguel e cães também. Se você levar a arma ou o cão ou os dois, o JP já faz as autorizações de entrada e permanência no Uruguai. Para entrar no país, deverá ter seu RG atual, expedido menos que 10 anos, ou o passaporte. Caso for de automóvel, deverá comprar um seguro para o veículo, do tempo que estiver dentro do Uruguai.
A pousada do JP não é sofisticada, mas tem bom atendimento e boa comida, sendo o JP de nacionalidade portuguesa, ele sempre apresenta para seus clientes a culinária portuguesa e uruguaia. Os clientes sentem-se em ambiente familiar. O gostoso de estar hospedado em uma pousada de caça é que você está num ambiente de caçadores e o assunto é caça. Sentimo-nos como se estivéssemos numa montaria na Espanha ou em Portugal, onde depois da caçada os caçadores se reúnem para a comilança de pratos de caça e contar de suas proezas.
                             ---------------------
Como iniciamos o texto falando de foto, vamos encerrá-lo também com uma foto, onde mostra a maravilha do cão amarrando uma perdiz com outra na boca. Esta passagem, para alguém como eu, que adora a caça e os cães, não tem o que pague.

                                Notem o cão amarrando com uma perdiz na boca

Um comentário:

  1. CONTOU E DISSE, JP CACERIAS, É TUDO DE BOM, FUI PELA PRIMEIRA VEZ O ANO PASSADO (2011), É "INESQUECÍVEL"!

    LELIS -MG

    ResponderExcluir